Como encontrar um namorado?

namoro

Já havíamos conversado com ele por e-mail, telefone, mas a necessidade da entrevista fez com que ele viesse até aqui.
Há alguns meses esperávamos a visita dele. Uma tarde depois de muito viajar, chegou um estrangeiro abrasileirado, como objetivo de encontrar uma companheira.
Morador no Brasil há três décadas, depois de construído seu patrimônio, fruto de muita luta em solo brasileiro.
A primeira impressão foi ótima, ele foi pontual (mesmo viajando muitos quilômetros pra chegar até aqui na cidade de Marília).
Foi correto, equilibrado e sincero. Contou de sua vida, das suas lutas, das poucas horas de sono pra construir o que agora lhe proporcionava o conforto financeiro.
Veio com a certeza e com o objetivo de encontrar uma mulher idônea, dedicada e companheira que morasse em S.Paulo capital,
assim como ele, para que houvessem encontros com maior frequência.
Ele já conhecia diversos países, sem preguiça para viajar, apreciador da culinária e esportista. 
Há vários anos ela havia se inscrito na Agência Par, fez tudo certinho, mostrou ser uma pessoa equilibrada, afetuosa,calma, simpática.
Mas um tempo depois ainda sozinha, resolveu ir morar na Europa, onde viveu por cinco anos.
Quando ela voltou para S.Paulo, entrou em contato com a gente novamente e disse: Como arrumar um namorado? 
Por uma coincidência, ou obra do destino, se é que existe, ela voltou no mesmo período que ele fez contato conosco, nos mesmos dias em que ele veio.
O Par:
Mesmos hábitos, pouca diferença na idade, apaixonados por viajar, mesma religião, conhecedores de muitos países, gentis,atenciosos e honestos.
Combinaram até na altura (ela pode usar salto se preferir), no gosto pelo esporte e culinária, torcedores do mesmo time!
Ela é do jeito que ele procurava com  tudo a ver, e ele com o perfil que ela procurava, além do charme que a fez sentir um frio na barriga! Não deu outra!
Éééééééé namoro!!